Roberto Gondo

Brasil

Site da entidade

Politicom – Sociedade Brasileira dos Profissionais e Pesquisadores de Comunicação e Marketing Político

A história da Sociedade Brasileira dos Profissionais e Pesquisadores de Comunicação e Marketing Político – POLITICOM, inicia em 2002 quando a Universidade Metodista de São Paulo – UMESP, por intermédio da Cátedra UNESCO de Comunicação para o desenvolvimento regional, promoveu o I Seminário Brasileiro de Marketing Político. O principal objetivo era fomentar e garantir maior visibilidade a uma temática bastante contemporânea na sociedade democrática brasileira.

Reunindo pesquisadores e profissionais da área, o evento organizado e gerenciado pelo prof. Dr. Adolpho Queiroz permitiu uma nova vertente interpretativa dos estudos de comunicação política, integrando o ambiente acadêmico com a práxis de mercado. Depois da primeira edição, o evento tornou-se anual, sendo estruturado em formato de Congresso, envolvendo artigos científicos de pesquisadores do Brasil e do exterior, bem como incorporando relatos de consultoria em comunicação política.

Por uma década sendo desenvolvido no estado de São Paulo, o Congresso Brasileiro de Marketing Político inicia um circuito de debates em outros estados da federação. A cidade escolhida para servir como anfitriã do evento de 2012, unida com o gerenciamento do comitê organizador da Universidade Federal do Paraná presidido pela profa. Dra. Luciana Panke, foi Curitiba.

Com uma nova diretoria eleita no evento de 2011, nas dependências da Universidade Presbiteriana Mackenzie, o principal objetivo da entidade é ampliar nacionalmente e internacionalmente o debate da temática de comunicação política e estimular novas redes de contato com demais grupos de pesquisadores e profissionais de áreas correlatas.

Segundo o atual presidente da entidade, prof. Dr. Roberto Gondo Macedo “após uma década de bons resultados no campo de pesquisa da comunicação e marketing político, é momento de promover novas estratégias para permitir cooperações com demais grupos de pesquisa, em território nacional e internacional, fomentando novos parâmetros discursivos que fortaleçam cada dia mais a soberania democrática do século XXI”.

Informação do site da associação